Um homem, de 50 anos, foi preso em flagrante pela Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) por posse ilegal de arma de fogo, nesta sexta-feira (18), na zona rural de Monte Alegre de Minas, no Triângulo Mineiro. Na residência dele, durante cumprimento de mandado de busca e apreensão, a equipe encontrou uma garrucha e uma espingarda. O suspeito é investigado em inquérito policial de ameaça contra sua irmã.

De acordo com o delegado Luiz Antônio Minas, as ameaças começaram com a desavença entre os irmãos motivada por uma ação civil na Justiça, que buscava a partilha de uma fazenda da qual os dois eram herdeiros. Segundo apurado, o suspeito não aceitava que a vítima, peritos avaliadores, corretores e oficiais de Justiça fossem até a propriedade para a realização dos procedimentos necessários à formalização da divisão do imóvel. Ao receber os profissionais na fazenda, o suspeito portava armas ilegais com o objetivo de intimidá-los.

O inquérito policial do crime de ameaça está em fase de conclusão e um novo foi instaurado em decorrência da autuação em flagrante. Conforme previsão legal, o suspeito pagou fiança e responderá em liberdade.