Contate-nos

Oi, o que você está procurando?

Acontece

Quase metade dos inquéritos abertos pelo PTM Uberlândia foram referentes à Covid-19 em 2020

A Procuradoria do Trabalho em Uberlândia (PTM) instaurou mais de 300 investigações relativas a violações no ambiente de trabalho e 43% destas estão relacionadas a descumprimentos aos protocolos contra a Covid-19 por parte das empresas

Anúncio. Role para continuar a leitura.
Sede do Ministério Público do Trabalho em Uberlândia – Foto: Divulgação

Em 2020, 342 inquéritos foram abertos pela Procuradoria do Trabalho (PTM) em Uberlândia são relativos à denúncia de violações nas condições de saúde e segurança, sendo que 43% devido aos descumprimento de regras como o não disponibilizar equipamentos de proteção individual (EPI)e álcool em gel, por empresas do segmento de transporte coletivo, call center, supermercados, saúde, indústria, comércio e varejo.

De acordo com o órgão, a suspensão irregular de contratos de Trabalho, em 2020, foi uma das infrações cometidas pelos empregadores no ano passado em relação ao denúncias contra as recomendações orientadas pela entidade. Inclusive, órgão públicos e sindicatos estão entre os denunciados.

A instituição além de orientar e fiscalizar a conduta das empresas em relação ao um ambiente de trabalho preventivo contra o Coronavírus, destinou R$ 15 milhões para os municípios, centros de pesquisa, hospitais e entidades assistencialistas com o objetivo de combaterem a doença nas respectivas áreas.

Anúncio. Role para continuar a leitura.

Anúncio. Role para continuar a leitura.
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Anúncio