Acusado por homicídio em Caçu é preso pela PMMG em Gurinhatã

Anúncio
Foto: Regionalzão

Um homem de 59 anos foi preso pela Polícia Militar de Minas Gerais – PMMG na tarde da última terça-feira, 9, por volta das 15h, na Rafael de Feo, em Gurinhatã. Contra ele havia um mandado de prisão expedido pela Comarca de Caçu, em Goiás.

O foragido da justiça é acusado pela morte de um homem de 43 anos, crime ocorrido na cidade goiana que fica 210 quilômetros distante de Gurinhatã.

Anúncio

Os PMs do 54º BPM localizaram o acusado, efetuaram sua prisão e foram parabenizados pelos militares da Polícia Militar de Goiás – PMGO, que há vários dias estavam no encalço do suspeito, que é de alta periculosidade e apontado como autor de outros homicídios naquele estado.

O crime

No dia 4 de dezembro de 2020, a PMGO foi acionada para comparecer na Rua Ataliba Ribeiro, no Setor Junqueroz, onde um homem havia sido vítima de homicídio tentado. No local os militares encontraram a vítima com um ferimento provocado por arma branca.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU foi acionado e constatou que o homem ainda apresentava pulsação e o encaminhou para o hospital, onde ele não resistiu ao ferimento e veio a óbito.

Os PMs tomaram conhecimento que o autor do homicídio é conhecido como “Maurão”. Diante da informação a equipe fez buscas para localizar o suspeito e conseguiu prendê-lo.

O criminoso confessou o crime e disse ter atingido a vítima com uma facada no peito por ela ter tentado manter relação sexual com ele. A vítima era homossexual e o acusado não partilhava da mesma intenção dela.

O autor foi conduzido preso à delegacia, posteriormente, conseguiu liberdade condicional e passou a ser considerado foragido após decisão judicial.