Mergulhadores do CBMMG desobstruem filtro de captação e resolvem desabastecimento de água em Cachoeira

Mexilhões-dourados foram retirados do equipamento após ação dos militares

Anúncio
Foto: CBMMG

Na tarde da última segunda-feira, 5 de abril, os mergulhadores do 2º Pelotão do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais – CBMMG em Ituiutaba foram acionados pela Prefeitura de Cachoeira Dourada por conta do abastecimento de água na cidade que estava suspenso.

De acordo com a prefeitura e funcionários da Estação de Tratamento de Água – ETA, a bomba que capta água do Rio Paranaíba estava com pouca vazão, não suprindo a demanda da cidade.

Anúncio

Após o estudo técnico feito pelas equipes, se chegou à conclusão que poderia ser alguma obstrução na tubulação de captação de água. Nesse momento, a prefeitura realizou o contato com o CBMMG, que prontamente se deslocou para a cidade.

A tubulação em questão tinha um comprimento de 50 (cinquenta) metros da margem do rio e 7 (sete) metros de profundidade, aproximadamente. Os mergulhadores realizaram o planejamento de mergulho considerando, principalmente, a segurança dos militares, tendo em vista os diversos riscos contidos nesse tipo complexo de serviço.

O trabalho foi iniciado e ao submergir os militares encontraram a tubulação, sendo feitas amarrações, enquanto outros bombeiros mergulhadores estavam na embarcação realizando a segurança dos BMs submersos.

Após a realização das amarrações na tubulação, os mergulhadores, juntamente com funcionários da ETA e da Prefeitura, levantaram a tubulação para a superfície, deparando com o filtro e parte do encanamento entupido por mexilhão-dourado. O equipamento foi retirado e trazido até a margem, onde uma equipe realizou a limpeza com a retirada dos mexilhões, enquanto funcionários na embarcação realizavam a limpeza da borda da tubulação.

Após a retirada dos mexilhões-dourados, a tubulação foi novamente submersa, tendo retornado normalmente a captação de água na cidade.

Anúncio