Segunda, 25 de Outubro de 2021
28°

Muitas nuvens

Uberlândia - MG

Saúde e Bem-estar Após

Após anunciar venda de filho pela internet em Minas Gerais, pai é preso

Após anunciar venda de filho pela internet em Minas Gerais, pai é preso

30/03/2016 às 17h37
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:

Foi preso em flagrante nesta última terça-feira, 29 de março, o homem que colocou um anúncio na internet vendendo o próprio filho, um bebê de poucos dias de vida. A ocorrência foi em Contagem-MG. O pai da criança, que trabalha como mecânico, e a mulher dele, prestaram depoimento ontem à tarde. O bebê e os outros dois filhos do casal estão bem.

A Polícia Civil prendeu Abmael Moreira Caldeira Costa, de 24 anos, na cidade de Ibirité, na região metropolitana de Belo Horizonte. Ele teria dito à polícia em depoimento que o caso não passou de uma “brincadeira”.

O anúncio da venda foi feito na segunda-feira, 28. O conteúdo, com fotos do bebê, foi retirado horas depois de postado, pela empresa responsável pelo site.

[caption id="attachment_85701" align="aligncenter" width="620"]bebe anunciado 1 Foto: Reprodução Uipi[/caption]

Apesar da alegação de que foi uma brincadeira, o homem cometeu crimes previstos no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA). O Artigo 232 trata da exposição da criança a um constrangimento e situação vexatória, cuja pena varia de seis meses a dois anos de detenção, e Artigo 238, que é de oferecer a criança por promessa ou recompensa.

A participação da mãe do bebê será apurada posteriormente. O Conselho Tutelar acolheu o bebê e o entregou à avó.

Em nota, o site OLX lamenta o caso e informa ter retirado da sua plataforma a foto e o anúncio, uma vez que foi “identificada uma conduta indevida”. “A OLX diz ainda que repudia esse tipo de conteúdo e que o caso viola os Termos de Condição de Uso da Plataforma”.

Via Uipi

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.