Quinta, 09 de Dezembro de 2021
18°

Alguma nebulosidade

Uberlândia - MG

Saúde e Bem-estar Bombeiros

Bombeiros Mirins recebem certificados na Prefeitura de Uberlândia

Bombeiros Mirins recebem certificados na Prefeitura de Uberlândia

06/12/2017 às 10h49
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:
Crianças e adolescentes receberam, na tarde desta terça-feira (5), os certificados de participação no projeto Bombeiro Mirim - parceria da Prefeitura de Uberlândia com o Corpo de Bombeiros de Minas para promover cidadaniadedicaçãoaltruísmo e civilidade. Os certificados foram entregues pelo prefeito Odelmo Leão e pelo comandante do 5º Batalhão de Bombeiros em Uberlândia, tenente-coronel André Humia Casarim. O Bombeiro Mirim foi reativado em agosto deste ano, quando o Município, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social, Trabalho e Habitação, firmou um termo de cooperação junto ao órgão de segurança. O acordo previa o atendimento de garotos e garotas de 12 a 16 anos que já eram alunos nos Núcleos de Apoio Integral à Criança e ao Adolescente (Naicas) dos bairros Marta Helena e Morumbi. Para o prefeito Odelmo Leão, o projeto é extremamente necessário, graças ao alcance e aos benefícios sociais. “O Bombeiro Mirim ensina valores e princípios que os jovens vão levar para a vida inteira, além de prepará-los para enfrentar situações de emergência que podem ocorrer a qualquer momento. Contribui ainda paraestimular as noções dedisciplina e cooperação, fazendo com que eles sejam cidadãos ainda mais conscientes. Ou seja, é uma coisa que às vezes é mais valorosa que uma grande obra, pois estamos garantindo o futuro da cidade e da nação”, concluiu. Receberam o certificado durante a solenidade 25 crianças que participaram do projeto neste ano. A intenção, segundo o comandante do 5º Batalhão do Corpo de Bombeiros em Uberlândia, tenente-coronel André Casarim, é de ampliar a turma para cem vagas no ano que vem. “Projetos como este comprovam a importância do trabalho da corporação ao ajudarem na formação de cidadãos e, quem sabe, futuros bombeiros”, disse o comandante. Retomada das atividades Nas aulas realizadas nos últimos quatro meses, sempre com a orientação de bombeiros militares, os jovens participantes puderam aprender noções de primeiros socorros e prevenção a afogamentos, bem como prevenção a acidentes domésticos, de trânsito e com incêndios. Outro foco foi o de repassar conceitos de consciência coletiva para preservação do meio ambiente, promoção de saúde e da higiene, educação no trânsito, cidadania, civismo e atividades recreativas. As atividades foram realizadas as terças e quintas-feiras, das 14h às 17h, sendo a maior parte delas no Batalhão do Corpo de Bombeiros, no bairro Brasil. Conseguiram o certificado de Bombeiro Mirim crianças e adolescentes que tiveram freqüência mínima de 75% e aproveitamento mínimo de 70% nas avaliações. “O projeto é essencial, uma vez que por ele as crianças aprendem muito noções de civismo, cidadania, salvamento e sobrevivência”, explicou a secretaria municipal de Desenvolvimento Social, Iracema Marques. O bombeiro mirim João Gabriel Constante, que realizou o discurso de agradecimento em nomes dos colegas durante a solenidade, aprovou todas as atividades desenvolvidas. “Só tenho a agradecer. Tive a oportunidade de dar mais valor à vida e respeitar mais as pessoas e a natureza. Agora, estou na dúvida se, no futuro, sigo carreira no Corpo de Bombeiros ou na Polícia Militar”, ressaltou. Os pais das crianças também estiveram presentes na cerimônia e elogiaram a iniciativa. A assistente de serviços gerais Zilena Ferreira da Silva, acompanhando o filho Lucas Sena, é uma das que acredita no potencial do Bombeiro Mirim. “É de suma importância. O projeto foi, por exemplo, uma extensão da educação do Lucas. No nosso convívio, ele nos repassou muitas coisas sobre sobrevivência, sobre a natureza e sobre união, além de entender conceitos além do salvamento. Todos os pais devem aproveitar a chance”, disse. Histórico O projeto Bombeiro Mirim foi idealizado e colocado em prática, pela primeira vez, ainda durante os dois primeiros mandados do prefeito Odelmo Leão (2005-2012). Neste período, cerca de 300 crianças e adolescentes dos foram atendidos. Depois de ter permanecido inativo nos últimos anos, foi retomado em virtude da importância de suas ações de orientação e conscientização do público infanto-juvenil. [gallery ids="125101,125102"]
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.