Segunda, 23 de Maio de 2022
14°

Alguma nebulosidade

Uberlândia - MG

Saúde e Bem-estar Reunião

Reunião é suspensa com ânimos acirrados e presença policial; veja nota de esclarecimento da Câmara de Ituiutaba

Reunião é suspensa com ânimos acirrados e presença policial; veja nota de esclarecimento da Câmara de Ituiutaba

26/06/2018 às 14h50
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:
A 36ª Reunião Ordinária da 2ª Sessão do 1º Período Legislativo realizada na noite da última segunda-feira, 25, às 18h, foi marcada por fortes discussões relacionada a uma informação divulgada pela Prefeitura de Ituiutaba na última sexta-feira, 22, onde o Executivo solicita ao governo do Estado a municipalização de três prédios, onde funcionam as Escolas Estaduais Arthur Junqueira; Fernando Alexandre e a Escola de Ensino Especial Risoleta Neves, pelo prazo de cinco anos. O fato tomou grande repercussão e gerou apreensão aos cerca de duzentos servidores que atuam nas referidas escolas, bem como nos familiares dos alunos em questão, principalmente, os pertencentes à Escola Risoleta Neves. A secretária de Educação, Edmar Franco Borges Paranaíba participou da reunião, e buscou esclarecer aos vereadores e ao público presente o que de fato pretende a administração pública, por meio da secretaria, fazerem com a pretendida mudança e mostrar a real situação. Veja abaixo. https://www.facebook.com/216296902050301/videos/666167493729904/ A discussão já ultrapassava uma hora de duração, quando os ânimos ficaram bastante acirrados, no momento em que uma mãe demonstrava total indignação com relação ao transporte público que realiza o transporte de seus filhos de casa até a escola. Segundo ela, o condutor da van responsável por levar a buscar as crianças na escola os deixaria aguardando por horas, sendo que a situação ocorreria frequentemente. Nesse momento, outros presentes passaram a intervir e se posicionarem favoráveis ao protesto, como o advogado tijucano, André Janones e o popular, Marcus Silva. Duras críticas foram tecidas aos legisladores e ao chefe do Executivo. Em dado momento, a Polícia Militar em Ituiutaba chegou ao local e acompanhou a situação de perto, orientando as partes a manterem a ordem. A reunião foi suspensa. Veja o vídeo abaixo. https://www.facebook.com/AndreJanonesAdvogado/videos/982896741889618/ https://www.facebook.com/AndreJanonesAdvogado/videos/982904421888850/ O caso foi amplamente divulgado nas redes sociais. A Câmara Municipal de Ituiutaba divulgou nesta terça-feira, 26, uma nota de esclarecimento. Veja na íntegra abaixo. NOTA DE ESCLARECIMENTO E REPÚDIO A Câmara Municipal de Ituiutaba vem a público declarar que repudia qualquer ato de violência e de censura e se solidariza com as manifestações apresentadas por uma mãe de aluno da rede pública na Sessão Ordinária da última segunda-feira (25). Informamos que em nenhum momento foi requerido a presença das forças policiais com a intenção de prender qualquer cidadão presente no plenário. A presença do policiamento se deu com a intenção de manter a ordem, a paz e integridade de todos os presentes. A Câmara declara também repúdio à deturpação da ordem com fins meramente eleitoreiros, com intenção única e exclusiva de denegrir a classe do poder legislativo incitada por um cidadão, que se intitulou como advogado, residente no município. O mesmo se valeu desta prerrogativa, como já o fez em numerosas outras ocasiões, para provocar a opinião pública. A Câmara salienta-se, por fim, que tomará todas as medidas legais para coibir a prática, reiterada de incitação à violência contra à pessoa dos senhores vereadores, legítimos representantes do povo, e demais autoridades públicas presentes dentro da Casa Legislativa. Ituiutaba, 26 de Junho de 2018 Câmara Municipal De Ituiutaba
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.