Sábado, 29 de Janeiro de 2022
22°

Muitas nuvens

Uberlândia - MG

Política Corpo

Corpo de Bombeiros recebe alunos do Curso de Formação de Soldados

Corpo de Bombeiros recebe alunos do Curso de Formação de Soldados

05/02/2014 às 15h55
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:
corpo-de-bombeiros-recebe-alunos-do-curso-de-formacao-de-soldados O Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG) recebeu os alunos do Curso de Formação de Soldados. Os futuros militares, selecionados por concurso público no final do ano passado, representam um aumento de 15% no efetivo de 5,4 mil militares. Foram selecionados 770 Soldados Combatentes, dos quais 425 vão atuar em Belo Horizonte e na Região Metropolitana e o restante no interior do Estado. O concurso também ofereceu vagas para 30 Soldados Músicos, que ainda estão no final do processo de seleção, mas devem ingressar ainda este ano. Os combatentes vão passar por um período de formação com duração de sete meses, entre aulas teóricas, práticas e estágios, com a formatura prevista para setembro, quando estarão aptos a atender às mais diversas ocorrências. O concurso representa o maior ingresso na corporação desde a sua desvinculação da PMMG em 1999, quando passou a ter efetivo próprio. De acordo com o comandante da Academia de Bombeiros Militar, Tenente Coronel Ricardo Eugênio, a tarefa de formar este grande número de novos militares é um desafio. “É positivo. Além das aulas aqui em Belo Horizonte temos nossos Batalhões em Uberaba, Uberlândia, Varginha, Divinópolis, Montes Claros e Governador Valadares que também estão ministrando essa formação. É um desafio mas representa todo o potencial de nosso efetivo”, avalia. A primeira “chamada” dos novatos foi realizada nas dependências da PUC-Contagem, onde será desenvolvida a parte teórica. As aulas práticas serão executadas na Academia de Bombeiros Militar e no 2º Batalhão em Contagem. Para o Capitão Rodrigo, coordenador do curso, os alunos irão aprender atividades que fazem parte do cotidiano do bombeiro militar. “São técnicas de combate a incêndio, salvamento em altura, salvamento terrestre e atendimento pré-hospitalar, um dos carros-chefes da corporação”. O oficial explica que o planejamento prevê ainda uma possível utilização desses soldados nos eventos da Copa do Mundo. “Até lá, eles estarão prontos e poderão ser empregados em atividades monitoradas de observação e auxílio às equipes. Mas tudo depende de um planejamento”, diz. No próximo dia 7, os Soldados de 2ª Classe, assim chamados durante o Curso de Formação, participam de uma aula inaugural, no auditório JK, na Cidade Administrativa. Determinação Os alunos tem entre 18 e 29 anos e passam a fazer parte de uma corporação que mantém o mais alto grau de confiabilidade junto à população. Uma responsabilidade que será cumprida com muita determinação pelo Soldado Lages, de 24 anos, estudante de administração e ex-aluno do Curso de Preparação de Oficiais da Reserva, do Exército Brasileiro. “Eu gosto da atividade operacional. Trabalhava em um banco mas não estava feliz. Quando saiu o resultado, minha família toda chorou de emoção. Pra mim, ser bombeiro não é opção profissional, é minha vocação”, avalia. A influência do pai que é Bombeiro Militar da Reserva contribuiu para a escolha do Soldado Neto, 21 anos, natural de Ipatinga. “Pretendo dedicar mais e mais e quero atuar tanto na área administrativa quanto operacional, principalmente combate a incêndios”, conta. Para ele, que é ex-servidor da SLU e da MGS será uma mudança de vida. Segundo ele, o próximo objetivo é alcançar novos postos, estudar bastante e aproveitar todas as oportunidades na carreira. Ao lado da vocação, a estabilidade foi um fator determinante para a escolha profissional da Soldado Luíza, de 21 anos, estudante de Direito. “Além de ser uma garantia, o concurso tem uma convocação rápida”, diz. Ela diz que não terá dificuldades em adaptar-se à vida militar pois possui 3 irmãos que são oficiais da PMMG e uma irmã que é Soldado no Corpo de Bombeiros. Além dela, mais 36 mulheres e um ex-militar da Polícia de Santa Catarina compõem o grupo.
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.