Quinta, 09 de Dezembro de 2021
18°

Alguma nebulosidade

Uberlândia - MG

Cotidiano Ex-jogador

Ronaldinho pode ser preso se não pagar pensão a ex-noiva em sete dias

Ídolo atleticano e do futebol mundial 'driblou' os oficiais de Justiça por dezenas de vezes; advogado de antigo affair afirma que decisão não cabe recurso

23/11/2021 às 10h00
Por: Redação Pontal Fonte: O Tempo
Compartilhe:
Foto: Hermínio Nunes
Foto: Hermínio Nunes

O astro do futebol Ronaldinho Gaúcho, ídolo do Galo, corre o risco de ficar mais uma vez detido. Ele tem até o dia 1º de dezembro para pagar a pensão da ex-noiva Priscilla Coelho. O ex-jogador pode, além de ser preso, ter os bens penhorados para a execução da dívida. De acordo com informações da imprensa carioca, Ronaldinho 'driblou' por dezenas de vezes as tentativas dos oficiais de justiça de encontrá-lo.

Bruno Medrado, advogado da ex-noiva de Ronaldinho, disse ao jornal carioca Extra que para o caso não há possibilidade de recurso. 

"Neste caso o procedimento de execução, que já iniciamos para o recebimento do valor, já definido lá no processo que vai julgar a respeito da união estável, desta pensão provisória, não cabe esta discussão" explicou Medrado:

"Se ele quiser reverter essa decisão, ele tem que ir no processo principal. Que foi o que deferiu esta pensão provisória de alimentos. Agora é pagar ou pagar", finalizou o advogado de Priscilla Coelho. 

Ronaldinho não foi encontrado pela Justiça até a segunda semana de novembro, mas foi pego quando funcionários do condomínio onde mora na Barra da Tijuca contaram sua localização. O ex-jogador está no Catar para compromissos profissionais. Priscilla Coelho alega ter sido noiva de Ronaldinho por seis anos. Ela ingressou na Justiça. Deferida no ano passado, a pensão alimentícia a Priscilla tem o valor de R$ 100 mil. 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.