Domingo, 26 de Junho de 2022
24°

Alguma nebulosidade

Uberlândia - MG

Esportes Esporte

Já vai? Torcida do Atlético Mineiro pede saída de técnico em meio à má fase

Moral de Turco Mohamed está em baixa após sequência sem vitórias e futebol abaixo da média da equipe mineira na temporada

20/06/2022 às 14h54
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:

Apontado como um dos principais candidatos ao título do Campeonato Brasileiro deste ano em sites de apostas como Bet365, o Atlético Mineiro não tem conseguido repetir o bom futebol do ano passado — quando faturou o próprio Brasileirão e a Copa do Brasil. Fora do G4 da competição nacional, a torcida já começa a pedir a saída do técnico El Turco Mohamed, contratado no início do ano para substituir Cuca.

A panela de pressão ficou ainda mais complicada de ser controlada após o empate deste final de semana, contra o Santos, em pleno Mineirão. A equipe de Hulk e companhia estava com a vitória praticamente garantida, mas sofreu um gol nos minutos finais e deixou o resultado positivo escapar. Após o fim do jogo, vaias foram ouvidas no estádio.

A partir daí, parte da torcida começou a pedir a saída do atual treinador nas redes sociais. E o nome mais comentado entre os atleticanos para dar jeito na queda de rendimento do time do Galo foi o do argentino Marcelo Bielsa, que já comandou times europeus e é conhecido pelo estilo ofensivo de trabalhar em suas equipes.

Até o momento, a diretoria do Galo não se manifestou sobre a situação de El Turco e, ao que tudo indica, a permanência do treinador está garantida. Mas até ele mesmo afirmou que precisa melhorar como comandante do Galo na temporada. E que está em dívida nesses 6 meses à frente da equipe.

“Me sinto em dívida com todos que confiam em mim, por isso preocupado. Mas confio muito que vamos reverter essa situação", afirmou o treinador, que também analisou a pressão sob o seu trabalho neste momento.

"É normal (pressão) quando os resultados não aparecem. Tenho experiência no futebol. Estou preocupado pela situação, mas tranquilo porque há um ambiente muito positivo dentro do clube que quer mudar essa situação", disse em entrevista coletiva.

As vaias da torcida ao fim do jogo contra o Santos não incomodaram o técnico. Pelo contrário, ele elogiou o comportamento do torcedor.

"A torcida teve um comportamento exemplar. Apoiou 100 minutos a equipe. Quando a equipe não conseguiu o resultado, mostrou sua inconformidade. E tem razão. Sempre foi nosso jogador número 12, que apoia o time até o último minuto. Não fomos capazes de dar uma alegria".

Um dos líderes da equipe, o zagueiro Junior Alonso foi duro em suas declarações após o fim do jogo contra o Santos. Para ele, está faltando humildade ao elenco do Atlético Mineiro.

"Eu acho que é ter mais humildade, ficamos com um a mais no segundo tempo, não soubemos aproveitar isso. Tomamos o empate. Melhorar isso, respeitar os rivais, que eles também jogam", completou.

Com o resultado, o Atlético chegou a 17 pontos, mas está a três jogos sem vencer. Além do empate contra o Santos, empatou sem gols com o Palmeiras e perdeu para o Fluminense, ambos fora de casa.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.