Domingo, 22 de Maio de 2022
13°

Alguma nebulosidade

Uberlândia - MG

Saúde e Bem-estar Efetivo

Efetivo da Polícia Militar de Minas Gerais ganha reforço com formatura de aspirantes

Efetivo da Polícia Militar de Minas Gerais ganha reforço com formatura de aspirantes

24/11/2014 às 10h07
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:

Novos policiais militares serão distribuídos para todas as regiões do Estado e contribuirão na melhoria da segurança dos cidadãos.

O governador Alberto Pinto Coelho participou, na noite dessa sexta-feira (21/11), na Academia de Polícia Militar, em Belo Horizonte, da cerimônia de formatura de 157 aspirantes a oficial da Polícia Militar de Minas Gerais. Com a conclusão do Curso de Formação de Oficiais (CFO), os novos aspirantes estão aptos para desenvolver ações e operações policiais, bem como atuar na gestão administrativa afeta às atividades de manutenção da ordem pública. Durante pronunciamento, o governador ressaltou que a missão confiada aos novos policiais é uma das mais importantes do serviço público e agradeceu o convite para ser o paraninfo da turma. “A vocês cabe nada menos que garantir a paz, defender a vida e fazer a lei ser respeitada e cumprida. Trabalhem com idealismo e determinação. Sejam companheiros. Exercitem o verbo servir. Façam da carreira que abraçaram, em suma, um instrumento de transformação do mundo”, afirmou Alberto Pinto Coelho. Os aspirantes ingressaram na carreira militar por meio de concurso público realizado no início de 2013. O curso de formação teve início em julho do ano passado e duração de um ano e meio. Essa é a segunda turma que ingressou no CFO após a obrigatoriedade dos candidatos possuírem bacharelado em Direito. A grade curricular do curso abrange as áreas essenciais para a capacitação e preparo do oficial para o exercício do comando na atividade de polícia, entre elas, disciplinas de administração e gerência, linguagem, informação e pesquisa. A turma de aspirantes 2014 teve entre as atividades mais marcantes a oportunidade de trabalhar na Copa do Mundo, momento em que os cadetes puderam lidar com atividades envolvendo efetivo em eventos de grande porte. Ao se formar no Curso de Formação de Oficiais, o militar passa a ocupar o cargo de aspirante a oficial e figura-se como praça especial de polícia. O cargo de oficial só é ocupado após a promoção do militar a 2º tenente. O estágio de aspirante dura em torno de um ano e é realizado junto aos oficiais da instituição. Alberto Pinto Coelho destacou também a importância do trabalho do policial militar na defesa social, resultando em melhoria da qualidade de vida com geração de mais segurança na vida dos cidadãos. “A partir de hoje, vocês passam a integrar a linha de frente na defesa de nossa sociedade. A Polícia Militar do Estado de Minas Gerais é um patrimônio do Brasil. Somos a mais antiga e, certamente, a mais respeitada força policial do país – o que nos enche de orgulho e admiração”, afirmou o governador. O comandante geral da Polícia Militar, coronel Márcio Martins Sant'Ana, ressaltou a os benefícios para Minas Gerais com a chegada de mais policiais para incrementar o efetivo da corporação e reforçar a segurança público no Estado. “São mais policiais na rua, são mais gerentes desse policiamento qualificado, baseado na filosofia dos direitos humanos e da polícia de proximidade. A Polícia Militar tem, ao longo desses anos, aprimorado seu conhecimento doutrinário e a difusão desses conhecimentos. E uma nova turma de aspirantes, novos oficiais, é uma prova e uma esperança muito grande de que nossa instituição continue sempre numa crescente de bons serviços e de excelência naquilo que ela se propõe a fazer em prol da sociedade”, disse o comandante da PM. Investimentos O governador destacou que, mesmo com todas as dificuldades enfrentadas, como a concentração de recursos no governo federal, Minas Gerais tem se esforçado para melhorar cada vez mais a segurança. “Pelo quarto ano consecutivo, fomos o estado que mais investiu em segurança pública, com 14,19% das despesas totais. Desde 2003, investimos mais de R$ 53 bilhões na área. Asseguramos investimentos, até 2015, de quase R$ 1 bilhão para a Defesa Social,” relatou. Somente neste ano, o Governo de Minas entregou 737 novas viaturas para a Polícia Militar, distribuídas para 288 municípios. No ano passado, o Estado repassou para a corporação 4.857 armas, 19.953 coletes à prova de bala e realizou concurso público para o ingresso de 1.300 civis para ocupar funções administrativas dentro da corporação, o que possibilitou a volta de militares para o trabalho de policiamento de rua. A atuação da Polícia Militar também terá reforço com a ampliação do sistema de videomonitoramento Olho Vivo, que, até 2015, estará em 27 cidades. Agência Minas [caption id="attachment_47680" align="alignnone" width="700"]cerimonia-de-formatura-da-policia-militar_6 Cerimônia de Formatura Polícia Militar (Foto: Wellington Pedro)[/caption]
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.