Quarta, 20 de Outubro de 2021
20°

Nevoa úmida

Uberlândia - MG

Saúde e Bem-estar Cinco

Cinco cidades e Copasa são multadas por despejo de esgoto em afluentes

Cinco cidades e Copasa são multadas por despejo de esgoto em afluentes

26/05/2015 às 11h14
Por: Adelino Júnior
Compartilhe:
A Polícia Militar do Meio Ambiente realizou uma grande operação denominada “Operação ETE” que visou fiscalizar todas as estações de tratamento de esgoto das cidades da região. Foram fiscalizadas as estações das cidades de Frutal, Planura, Itapagipe, Fronteira, São Francisco de Sales e Comendador Gomes. Todas as cidades a polícia identificou que o esgoto estava sendo lançado sem nenhum tipo de tratamento em córregos, contaminando esses afluentes. Segundo o balanço divulgado pelo Pelotão Ambiental de Frutal, em todas essas cidades foram encontradas infrações. Ao todo, a PMA expediu multa de R$167.428,60. Além das prefeituras, a Copasa de Frutal também foi multada por despejar esgoto sem tratamento no leito do Córrego Marianinho. – COPASA de Frutal – autuada em R$ 87.352,35, por descumprimento de condicionantes de Licença de Operação e por lançamento de efluente líquido (esgoto) sem nenhum tratamento no leito do córrego Marianinho. – Prefeitura de Frutal – foi autuada em R$ 14.559,45, por lançamento de efluente líquido (esgoto) sem nenhum tratamento no córrego Cisco, no Distrito de Aparecida de Minas. – Prefeitura de Planura – foi autuada em R$ 14.559,45, por lançamento de efluente líquido sem nenhum tratamento numa lagoa, as margens do Córrego Jacó. – Prefeitura de Itapagipe – foi autuada em R$ 14.559,45, por lançamento de efluente líquido sem nenhum tratamento no leito do córrego Lageado. – COPASA de Fronteira – foi autuada em R$ 21.838,45, por lançamento de todo efluente líquido da cidade, sem nenhum tratamento no leito do Rio Grande e por manter nos terrenos das Estações Elevatórias, na área urbana, resíduos sólidos depositados no solo permeável e a céu aberto, sem proteção, causando mau cheiro a vizinhança. – Prefeitura de S. F. Sales – foi autuada em R$ 14.559,45, por lançamento de efluente líquido sem nenhum tratamento no leito do Ribeirão São Francisco. – Prefeitura de Comendador Gomes – possui Estação de Tratamento Esgoto, gerida pelo município. Lança os efluentes líquidos tratados em níveis aceitáveis pela legislação ambiental. Além das Infrações Administrativas cometidas, os responsáveis responderão pelo crime ambiental, previsto no art. 54 (causar poluição que possa resultar em dano aos recursos hídricos e outros) da Lei 9.605/98. Cabe recurso no prazo de 20 dias, contados a partir da data que os responsáveis assinaram as autuações. [caption id="attachment_63682" align="aligncenter" width="640"]FormatFactorya Foto: Reprodução Alô Frutal[/caption]   Alô Frutal
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.