Escrivão da PCMG teria se envolvido em discussão entre homens durante festa, em Santa Vitória

0
Anúncio

O Pontal em Foco obteve detalhes sobre o homicídio tentado contra um escrivão da Polícia Civil de Minas Gerais – PCMG em Santa Vitória na madrugada do último domingo, 13, que resultou na morte do atirador após diligências de equipes que o localizaram, tendo ele resistido à prisão e efetuado um disparo de arma de fogo contra os policiais, que revidaram e atingiram o indivíduo, de 25 anos.  O policial teria ido ao banheiro no momento em que pelo menos três indivíduos discutiam, momento em que teria se envolvido na confusão.

Posteriormente, ao sair da boate, o policial foi surpreendido pelo autor de 25 anos, que pelas costas, se aproximou e atirou contra sua cabeça, momento em que ele caiu ao solo e foi socorrido por populares. Ele foi levado para o hospital, em Santa Vitória e, posteriormente, para o Hospital das Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia – HC/UFU pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU. O projétil que o atingiu se partiu e uma das partes foi retirada através de cirurgia realizada ainda no último domingo, 13. Já a outra parte ficou alojada e o policial segue em estado grave, mas, felizmente, estável.

Ainda de acordo com informações do Boletim de Ocorrência, diligências da PCMG lograram êxito na localização do suspeito pelo disparo contra o escrivão, que foi encontrado em uma residência na Rua Antônio Bonato dos Santos, no Bairro Veneza, onde teria reagido à prisão e efetuado um disparo contra os policiais, que revidaram a injusta agressão e o atingiram. O SAMU foi acionado e a equipe médica constatou o óbito do rapaz no local da ocorrência.

Posteriormente, várias testemunhas dos fatos, inclusive que presenciaram a ação do autor contra o escrivão, foram ouvidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui