Covid-19: vacinas serão entregue hoje em Uberlândia e distribuídas para Ituiutaba e região nesta terça (4)

Quantitativos irão ampliar a cobertura em todo território mineiro na maior operação de vacinação da história de Minas Gerais

0
Anúncio

As Unidades Regionais de Saúde – URS de Uberlândia e Ituiutaba receberão nova remessa com doses das vacinas contra a Covid-19 nesta segunda-feira, 3 de maio. As doses, com escolta da Polícia Militar de Minas Gerais – PMMG, serão trazidas para a cidade tijucana hoje e distribuídas para as Secretarias de Saúde na manhã desta terça-feira, 4.

São 589.800 doses de vacinas para as Unidades Regionais de Saúde (URSs) do estado. Os imunizantes compõem a 15ª remessa do Programa Nacional de Imunizações (PNI) para a imunização contra covid-19 e darão continuidade à maior operação de vacinação da história de Minas Gerais. São 578.000 doses da AstraZeneca e 11.800 da CoronaVac.

Mais uma vez, em todas as etapas a logística de transporte contará com apoio das Forças de Segurança e Salvamento, disponibilizando as aeronaves do Batalhão de Operações Aéreas (BOA), do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), e efetivo terrestre da Polícia Militar de Minas Gerais (PMMG) e da Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) para escolta dos insumos.

Hoje, em Ituiutaba, estão sendo aplicadas segundas doses que estão agendadas. O trabalho ocorre na Escola Municipal Machado de Assis – EMMA, o Ponto-base de Vacinação!

Públicos prioritários

As 589.800 doses – 578.000 da AstraZeneca e 11.800 da Coronavac – serão destinadas às pessoas de 60 a 64 anos; e Forças de Segurança e Salvamento. Clique aqui para acessar a tabela com o detalhamento da distribuição (Arquivo em formato .XLS).

 “É importante que os municípios observem a orientação feita pela Secretaria, a partir dos informes técnicos emitidos pelo Ministério da Saúde, de que todas as doses entregues devem dar continuidade às campanhas de vacinação observando a cobertura dos públicos prioritários”, explica a coordenadora de Imunização da SES-MG, Josianne Gusmão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui