Número de casos ativos da Covid-19 em Ituiutaba volta a subir

Conforme boletim epidemiológico, hoje o município registra 512 casos ativos, apresentando nova tendência de alta; início de abril foi com 717 casos ativos e número chegou a cair para 481

0
Anúncio

Os números dos boletins epidemiológicos divulgados todos os dias pelas prefeituras das cidades apresentam intensa variação de acordo com cada cenário alterado, principalmente, pelas medidas de enfrentamentos adotadas pelos governantes e colocadas em prática pela população.

Em Ituiutaba, no Pontal Mineiro, não é diferente. O mês de abril começou com grande número de casos ativos (717) e, felizmente, o número apresentou tendência de queda, quando chegou a 481 na última terça-feira, 27, índice mais baixo no mês.

Contudo, em apenas dois dias, o número de casos ativos voltou a subir e chegou a 512 nesta quinta-feira, 29, quando 59 novos casos da doença foram incluídos nos registros nas últimas 24 horas.

São considerados casos ativos todos aqueles confirmados que não evoluíram a óbito e não se enquadram nos critérios de recuperados. Na prática, são pacientes que são orientados a manter o isolamento domiciliar durante o período em que pode haver a transmissão do vírus, exceto no caso de hospitalizados, quando o isolamento é feito por alas, nas próprias unidades hospitalares.

Óbitos

Abril, lamentavelmente, também registra grande número de óbitos por conta da Covid-19, conforme os dados dos boletins divulgados pela Prefeitura de Ituiutaba, o mês começou com 216 mortes até o dia 1° desse mês em todo o período de Pandemia, já nesta quinta-feira, 29, o número subiu para 263, com mais 47 pacientes que perderam a vista por conta do Coronavírus.

Medidas

Até o momento, Ituiutaba segue com regras da onda vermelha do Minas Consciente, também com a liberação para realização de eventos em salões, com regras, e para venda de bebidas alcoólicas. Hoje, 29, o Governo de Minas divulgou orientação através do Comitê Externo de Enfrentamento para que a macrorregião Triângulo do Norte e outras três avancem para a onda amarela, menos restritiva, por conta dos bons indicadores apresentados nos cenários regionais.

A flexibilização nas regras exige que as pessoas adotem ainda mais cuidados para evitar a contaminação e, consequentemente, contribuir para que o cenário epidemiológico seja cada vez mais favorável. A Campanha de Vacinação contra a Covid-19 é uma realidade em todo o país, mas avança devagar, com interrupções, e até que toda a população ou sua maioria esteja imunizada, os cuidados precisarão ser redobrados.

Vale ressaltar a necessidade de que seja mantido o distanciamento social, a constante higienização das mãos com água e sabão ou com álcool 70% e, principalmente, que se evite a aglomeração de pessoas.